Portal da Cidade Guaxupé

Amor

Casal de Idosos do Lar São Vicente de Guaxupé se casa em cerimônia religiosa

Seu André, de 78 anos, e dona Margarida, 68, começaram o namoro há poucos meses dentro da instituição. Casamento aconteceu no último sábado (08), na capela

Postado em 11/02/2020 às 11:31 |

Familiares e amigos participaram da cerimônia no Lar São Vicente. (Foto: Drone Tio Wo)

Capela do Lar São Vicente ficou lotada no casamento dos idosos. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Noivos fazem sessão de fotografia e vídeo com Luiz Paulo Moraes e Gminas. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Seu André, 78, e dona Margarida, 68, se casaram no ultimo sábado de continuarão morando no Lar São Vicente, em Guaxupé. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

A assistente social Karen Fernanda foi uma das organizadoras do casamento e madrinha dos noivos. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Daminhas de honra são filhas de colaboradores do Lar São Vicente. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Mesa do bolo do casamento. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Noivos são viúvos e por isso puderam se casar na igreja. (Foto: Gminas)

Noivos casaram com todos itens que têm direito, como o buquê. (Foto: Gminas)

Dona Margarida se prepara para o casamento. (Foto: Gminas)

Festa de casamento aconteceu no refeitório do lar. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Detalhe do bolo de casamento. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

José Carlos (dir.) é irmão mais novo da noiva. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Adriana Nicoli, que é voluntária no Lar, foi uma das madrinhas. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

O presidente do Lar do São Vicente, Pablo, foi um dos padrinhos dos noivos. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Se André vive no lar há 20 anos. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade)

Hoje vamos falar de amor. Daquele amor que chega de repente e que nos faz esquecer da idade, dos problemas da vida e nos faz sentirmos como adolescente. Esse mesmo amor é o que fez os idosos André Zerbini de Paulo, de 78 anos, Margarida dos Reis, de 68, se casarem no último sábado (08) na Capela do Lar São Vicente, em Guaxupé. Os noivos também são moradores do local e começaram o namoro há poucos meses dentro do lar de idosos.


Cerimônia aconteceu com a ajuda da população e doação de empresas e prestadores de serviços. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade Guaxupé)

A cerimônia foi presidida pelo Padre Edinho, da Paróquia São José Operário. “Para mim é um presente, eu estava falando com eles e eles me disseram que o que motiva eles a viverem é o amor. Todos nós gostamos de ser amado. Ele (André) estava muito feliz de ter alguém para amar porque ele tinha medo da solidão”, disse o padre antes da cerimônia que reuniu familiares, amigos e outros idosos que vivem no Lar.

O namoro de seu André e dona Margarida começou há pouco tempo. Ele é um dos moradores mais antigos do lar e vive no local há 20 anos. Ele também já se casou no mesmo local com outra idosa, a dona Júlia, que faleceu há algum tempo. “Nós já tínhamos feito um casamento aqui, foi do seu André mesmo, mas foi algo mais simples. Desse tamanho com tudo que eles têm direito foi a primeira vez”, explicou a assistente social Karen Fernanda da Silva Araújo.

A assistente social Karen Fernanda ajudou na organização da cerimônia. (Foto: Carol Negrão/ Portal da Cidade Guaxupé)

Os noivos tiveram uma cerimônia religiosa com direito a vestido de noiva e dia de noiva no Studio P, traje de noivo, flores na igreja, música de violino com Danilo Dutra, fotos e vídeos com o fotógrafo Luiz Paulo Moraes e Gminas Filmes. Depois de cerimônia aconteceu festa com bolo de casamento e docinhos.

Encontro 

Segundo o noivo ele já conhecia dona Margarida antes de ela ir para o Lar. Como são viúvos, os dois puderam se casa no religioso sem empecilhos.

Há quatro meses dona Margarida ficou viúva. Mesmo tendo vivido durante anos com o primeiro marido, Vitinho, ela nunca havia se casado na igreja.

A noiva entrou na capela acompanhada pelos irmãos mais novos: José Carlos dos Reis e Maria José dos Reis. José Carlos lembra a reação que teve quando descobriu o casamento da irmã. “Estávamos nos preparando para levar ela para morar na minha casa, em São Sebastião do Paraíso, quando a Karen ligou e disse que precisava falar comigo muito sério. Pensei que algo de ruim tivesse acontecido, mas ela disse que minha irmã tinha conhecido alguém, que iria casar e continuar a morar no lar. Eu tive uma crise de riso”, disse José Carlos. Ele explicou ainda que a irmã foi colocada no Lar por uma cuidadora, sem o conhecimento da família, que mora fora de Guaxupé.

O casamento de dona Margarida e seu André é a prova de que o amor não em idade e que nunca é tarde para recomeçar, tanto que a história inspirou outros idosos do lar. “Acho que vamos ter outros casamentos”, disse Karen.

Veja neste link o início da cerimônia.

Receba as notícias através do grupo oficial do Portal da Cidade Guaxupé no seu WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequados. 📲 Participe clicando neste link.👈 


Fonte:

Deixe seu comentário