Portal da Cidade Guaxupé

Eleição

Estudantes elegem 13 vereadores mirins

Votação aconteceu ontem (30) no Colégio PHD Mackenzie, Dom Inácio, Objetivo, Interativa, Ginásio, Polivalente, Queridinha e Major Luiz Zerbini.

Postado em 01/10/2019 às 12:55 |

Eleição dos vereadores mirins aconteceu ontem (30) em todas as escolas de Guaxupé. (Foto: Divulgação)

Rafa Santos foi eleita com 39 votos. (Foto: Divulgação)

Laís Costa recebeu 44 votos. (Foto: Divulgação)

Ana Flávia teve 38 votos. (Foto: Divulgação)

Cauã recebeu 30 votos. (Foto: Divulgação)

Gabriel foi eleito com 83 votos. (Foto: Divulgação)

JP Mazilli recebeu 122 votos. (Foto: Divulgação)

Anna Silva foi eleita com 68 votos. (Foto: Divulgação)

Luany foi eleita com 35 votos. (Foto: Divulgação)

Poliana foi eleita com 63 votos. (Foto: Divulgação)

Stéfani recebeu 79 votos. (Foto: Divulgação)

César foi eleito com 67 votos. (Foto: Divulgação)

Kelvin recebeu 51 votos. (Foto: Divulgação)

Gabriel Ferreira foi eleito com 35 votos. (Foto: Divulgação)

Alunos de todas a escolas de Guaxupé elegeram ontem (30) 13 vereadores mirins. Quase 950 estudantes participaram da eleição. Os vereadores mirins eleitos foram JP Mazzili (122 votos), Kelvin (com 51), Laís Costa (44 votos), Rafa Santos (39), Ana Flávia (38) Cauã (30 votos), pelo Ginásio; pelo Dom Inácio foram eleitos Gabriel (83 votos); do Colégio Objetivo foi eleito Gabriel Ferreira (35 votos); pelo Polivalente foram eleitos Stéfani (79 votos), Anna Silva (68), Cézar (67 votos) e Poliana (63); a aluna Luany (35 votos) foi eleita pela escola Queridinha. Além dos 20 candidatos na eleição, o projeto da Câmara Mirim atende a 60 alunos dos 8º e 9º anos do Ensino Fundamental.

Segundo o assessor de Comunicação da Câmara Municipal, Pedro Alves, os vereadores mirins inscritos vão levantar problemas junto à comunidade e apresentar indicações para a Comissão de Participação Popular da Câmara. “ Seja como indicação, projeto de lei ou iniciativa da própria Câmara. Depois disso os treze vereadores Mirins vão para BH conhecer a Assembleia”, explicou o assessor.

Fonte:

Deixe seu comentário